quarta-feira, 15 de abril de 2009

Do coreto

Houve para aí algumas pessoas que ficaram muito escandalizadas quando a câmara resolveu deitar abaixo o antigo coreto e até o senhor Gavião pôs uma fotografia aqui no blogue para nos lembrar como ele era mas agora que o novo está quase pronto não sei o que vão dizer porque este é dois em um tanto serve de urinol público o que é muito útil para as pessoas que vão às esplanadas no verão beber cerveja como pode servir para a banda lá tocar porque parece que agora cabem lá todos os músicos e podemos esperar que neste verão vai haver muitos concertos e não me venham com a história de que aquilo custou muito dinheiro o que acontece é que se a câmara tem dinheiro a mais deve gastá-lo porque dinheiro parado não serve para nada e agora o coreto está a condizer com as outras coisas que puseram na Avenida como aquela armação da trepadeira que coitada parece que está agora a querer vingar e só espero que lhe ponham também daqueles belos tubos que rodeiam o lago dos cisnes, muito mais bonitos que aquela grade toda cheia de retorcidos que dava um trabalhão a pintar mas agora o que eu acho é que a pobre da Santa Beatriz anda mesmo de azar porque antes não se via por causa das plantas que tinha à volta depois ainda a puseram mais alta para se ver melhor mas agora com o coreto tão grande parece uma coisa muito pequena e não sobressai nada e eu cá por mim acho que deviam ter mais respeito pela santa que é a única que Campo Maior tem e nunca se sabe o que pode acontecer quando não se dá a devida atenção aos santos.

4 comentários:

Anónimo disse...

se a camara tem muito dinheiro então limpe a cara a campo maior aqui no mártir santo, que é uma vergonha, e que ajude as pessoas mais carenciadas que estão a passar muito mal neste momento, isso sim era um dinheiro bem gasto, quanto ao coreto é um bom trabalho, tudo o que for bom para a vila é bem vindo

urtiga disse...

Ó senhor Anónimo então não vê que concerteza a câmara considerou prioritária a construção do coreto sobre todas as outras coisas que refere e se o senhor mesmo acha o coreto uma boa obra não pode reclamar e além disso o Mártir Santo só o vê quem lá vai.

Anónimo disse...

No meio disto tudo ninguém cuida da Santa Beatriz que, coitada, ainda ficou mais encolhidinha e parece que mais mirrada, ali ao pé daquela coisa que é um urinol com um telhado que pode servir de coreto.
Pronto! Está bem!... Deu-se prioridade às necessidades urológicas e musicais da população por se entender que essas eram as mais necessárias para o bem-estra da população... Manda quem pode.

Luísa disse...

Passei para lhe dizer que passe pelo meu blog crisântemo onde tenho o selo da amizade para si.
Foi-me oferecido a mim e gostaria de o passar também para o vosso blog.
Desejo-lhes uma boa semana